Eleições para diretor em Escola Estadual continua gerando polemica em São João do Arraial

0

simoneA eleição para diretor da Escola Estadual Francisco Tomaz da cidade de São João do Arraial, realizada no último dia 10/12, continua gerando polêmica e grave dúvida sobre a legitimidade do processo eleitoral.

A Secretaria Estadual de Educação/SEDUC, não se entendo quanto aos resultados e já divulga o terceiro resultado consecutivo divergente do apurado na urna pela comissão eleitoral do município.

O primeiro resultado divulgado dava a candidata única, como vencedora com 92,66%, o segundo resultado dava a mesma candidata com 46,58%, ou seja, com menos de 50% +1 dos votos validos, por tanto não eleita, e por último dando novamente a candidata como eleita, agora com 86, 38% dos votos.

Resultado correto é o seguinte:
184 Validos (chapa 01)
207 Nulos
04 Brancos
90 Abstenções

De acordo com o edital, a situação obriga a SEDUC a proceder com a nomeação de uma nova direção para a escola, uma vez que a única candidata com votos validos, não obteve 50% + 1, dos votos validos, portanto não eleita. A não ser que haja nova intervenção de políticos.

ENTENDA O CASO –  Inicialmente foram registradas e homologadas, segundo os prazos e requisitos contidos em edital, apenas duas chapas que concorreriam a eleição: Chapa 01 – “Por uma Gestão Democrática e Transparente” e Chapa 02 – “A Luta Continua”.

Ocorre, que a Chapa 02 – “A Luta Continua”, foi impugnada sumariamente, após vencidos todos os prazos legais que permitiam tal ato, sem qualquer justificativa, nem comunicação prévia as comissões eleitorais, regional ou municipal.

Os organizadores da chapa impugnada, tentam medidas judiciais para tentar saber as alegações pela qual a chapa foi impugnada, cujo os motivos até então são desconhecidos até pela comissão eleitoral, e a partir daí fazer sua defesa.

“A notícia da impugnação veio por acaso, quando visualizamos a página de editais no site da SEDUC/PI, um dia antes do termino da campanha eleitoral, mesmo assim, seguimos fazendo nossa campanha, só que pedindo aos eleitores que continuassem votando na chapa em protesto ao ocorrido.” Comenta um dos organizadores.

Inicialmente o portal capitaldoscocais.com.br, tentou informações junto a Secretaria Estadual de Educação que pudesse levar ao real motivo da impugnação, e, para nossa surpresa, formos informados que a intervenção, se deu a pedido de um deputado estadual da região dos cocais, que ainda não podemos revelar o nome, e que a intervenção se dava a pedido de um casal de políticos de São João do Arraial, que já sabemos quem são, porém ainda não podemos relevar os nomes.

Confiram os editais divulgados pela Secretaria Estadual de Educação/SEDUC:
CLIC AQUI e confira o Primeiro Edital – Declara a candidata da Chapa 02 ELEITA por 92,66% dos votos
CLIC AQUI e confira o Segundo Edital –  Declara a candidata da Chapa 02 NÃO ELEITA por não atingido 50% + 1 dos votos validos, o percentual (diferente do apurado pela comissão eleitoral que é de 47,85) teria sido 46,58%.
CLIC AQUI e confira o Terceiro Edital – Declara novamente a candidata da Chapa 02 – Eleita agora com percentual de 86,38%

Agora confira os resultados da eleição colhidos na escola pela Comissão Eleitoral:
CLIC AQUI e confira a Ata da Apuração da Eleição
CLIC AQUI e confira o Mapa da Apuração da Eleição
CLIC AQUI e  e confira a Súmula com o Resultada da Eleição

Fonte: Capital dos Cocais

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.