Filho do ex-prefeito ‘Nenzim’ é preso pela morte do pai no Maranhão

0

A Polícia do Maranhão prendeu, na madrugada desta sexta-feira (8), Mariano Júnior, filho do ex-prefeito de Barra do Corda, Manoel Mariano de Sousa, conhecido como “Nenzim”, que foi assassinado com um tiro no pescoço na quarta-feira (6). Nenzim é pai do deputado estadual Rigo Teles (PV) e por três vezes assumiu o cargo de prefeito de Barra do Corda.

Mariano Júnior é considerado o principal suspeito pelo assassinato do pai. Segundo informações, o secretário de Segurança Pública do Maranhão, Jefferson Portela, explicou que no dia do crime, Mariano estava sozinho com o pai e as informações iniciais que indicavam a presença de dois homens em uma moto no assassinato do ex-prefeito é falsa.

Outro ponto que levou a suspeita em relação a Mariano Júnior, foi que após o ex-prefeito ser alvejado, ele não foi encaminhado diretamente para o hospital. “Um momento um pouco depois da saída da casa, algo estranho é que o veículo com os dois não segue direto para o hospital. O veículo volta, segue pelo condomínio , depois vai até a casa de uma terceira pessoa e só aí chega ao hopital 38 minutos depois do evento . Uma pessoa baleada necessita de um socorro imediato, e esse tempo – que seria de 5 minutos do local do crime até o hospital -, não aconteceu. Após o crime o carro ainda circulou pelo condomínio com a vítima no banco do carro, quando o natural seria seguir imediatamente para o hospital”, afirmou Jefferson Portela. O acusado também não participou do enterro do pai. A motivação do crime ainda não foi revelada.

Entenda o caso

Manoel Mariano de Sousa, conhecido como Nenzim, foi assassinado com um tiro no pescoço, na quarta-feira (6), na zona rural de Barra do Corda, a 341 km de São Luís. Ele foi encaminhado a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Barra do Corda e em seguida, transferido para um hospital no município de Presidente Dutra, mas acabou morrendo.

Fonte: GP1

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.