Governador irá depor em processo em que é acusado homicídio culposo

0
Governador Wellington Dias

O governador Wellington Dias (PT) irá depor em processo instaurado pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ), que apura responsabilidades no trágico desabamento da barragem de Algodões II, no município de Cocal, em maio de 2009. Ele responde por homicídio culposo, quando não há a intenção de matar.

O depoimento estava previsto para ocorrer nesta sexta-feira (15) na sala do 2º Tribunal do Júri Popular de Teresina, no 5º andar do Fórum da capital, mas foi adiado. Uma nova data ainda não foi marcada pela Justiça. O governador será ouvido pelo juiz auxiliar Luiz Von Adameck.

O desabamento da barragem ocorreu no segundo governo de Wellington Dias. A ex-presidente da Emgerpi, Lucile Moura, também é acusada de homicídio culposo. Além dos dois, o engenheiro responsável pela obra, Luiz Hernani, também respondia ao processo. Esse último foi absolvido pelo critério de idade. Ele possui mais de 80 anos.

Na época do acidente, as famílias foram obrigadas a deixar o local por decisão judicial, devido o perigo de rompimento. Mas a Emgerpi autorizou o retorno após laudo do engenheiro.

A defesa de Wellington Dias afirma que o governador é inocente. Eles alegam que o governo agiu baseado no laudo do engenheiro que descartava o perigo. Com o acidente, nove pessoas morreram.

Fonte: Política Dinâmica 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.