Corpo achado no Rio Longá é identificado pelas tatuagens

0
Pixirica
Pixirica

A Polícia Civil de Esperantina identificou o corpo que foi encontrado às margens do Rio Longá, no município de Esperantina, na manhã de hoje (30). De acordo com o Delegado Regional Lucas Craveiro, a vítima foi reconhecida por familiares através das inúmeras tatuagens.

O homem identificado como Raimundo Lima Machado, conhecido como Pixirica, seria um ex-detento e respondia em liberdade condicional pelo crime de roubo.

Lucas Craveiro explica que a morte pode ter ocorrido no último final de semana e a Polícia Civil já tem uma linha de investigação.

“Ele também é suspeito de ter envolvimento com o tráfico de drogas e há indícios de que tenha sido morto, em um ponto de concentração do tráfico e desovado próximo ao rio. A perfuração na garganta surpreendeu a polícia, mas não sabemos ainda como ocorreu o homicídio”, explica Craveiro. O corpo foi removido ao Instituto Médico Legal, em Teresina, para ser periciado.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.