MEC divulga notas individuais do Enem 2017; veja como acessar

0

Candidatos que realizaram o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) 2017 já podem consultar suas notas.

O acesso ao desempenho de cada participante foi liberado nesta quinta-feira (18) pelo Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), órgão do MEC (Ministério da Educação) responsável pela organização do exame.

• Veja suas notas individual no Enem 2017

Até o início da tarde, o site do órgão enfrentava instabilidade, e estudantes relataram nas redes sociais dificuldade em acessar o sistema. Questionado sobre a instabilidade no ambiente em que o candidato pode consultar suas notas, o ministro da Educação, Mendonça Filho, pediu calma na hora de fazer a consulta.

“Recomendo calma, cautela e controle da ansiedade. Sei que é um momento importante para milhões de jovens em todo o Brasil, mas é preciso ter a clareza de que o exame é seguro, que as notas estarão disponíveis e cada um terá a oportunidade de acessar justamente a informação relativa à sua nota respectiva”, disse.

Mendonça Filho também afirmou que o sistema foi reforçado para a divulgação das notas. “Com todo o respeito, eu não posso conceder uma entrevista falando sobre o funcionamento do sistema porque eu não estou operando o sistema. O que posso afirmar é que o sistema foi reforçado. Nós melhoramos o desempenho em comparação com anos anteriores e os resultados relativos à divulgação de várias outras etapas com relação à educação e às políticas educacionais do MEC dos últimos meses demonstram isso claramente”, disse o ministro.

O boletim de desempenho traz as notas alcançadas pelo candidato em cada uma das quatro áreas de conhecimento avaliadas no Enem (linguagens, matemática, ciências humanas e ciências da natureza), além da prova de redação. Para consultar as notas, o candidato deve ter em mãos seu CPF e a senha cadastrada no período da inscrição. Caso tenha esquecido ou perdido a senha, é possível recuperá-la.

Maria Inês Fini, presidente do Inep, afirmou que não houve “surpresas negativas” nos resultados do Enem, disse ter gostado das análises feitas posteriormente e elogiou o tema da redação.

“As escolhas dos textos de ciências humanas foram muito felizes. A prova de matemática foi muito bem equilibrada do ponto de vista acadêmico e científico”, falou.

Sobre mudanças para a edição do Enem deste ano, Fini disse que a aplicação das provas em dois domingos será mantida junto com “tudo o que é bom e deu certo, vai continuar”.

Das mais de 4,7 milhões de redações corrigidas no Enem 2017, 6,5% receberam nota zero, ou seja, cerca de 309 mil dos textos. Dentre os motivos, destacou-se o aumento de redações que fugiram ao tema. Em 2016, 0,78% delas apresentaram o problema, e agora esse número cresceu para 5,01%, um aumento de 6,4 vezes.

A divulgação das notas máximas e mínimas foi feita na manhã desta quinta antes da liberação do acesso dos participantes às suas notas individuais.

O MEC também anunciou que a abertura das inscrições do Sisu (Sistema de Seleção Unificada) foi antecipada para 23 de janeiro. Segundo Mendonça Filho, o prazo para que os participantes do Enem tentem uma vaga em instituição pública de ensino superior de seu interesse será de 23 a 26 de janeiro. Além disso, 27 universidades portuguesas já aceitam a nota do Enem como critério para ingresso.

Fonte: Uol

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.