“Procura por peixe ainda é pequena”, dizem comerciantes

A expectativa é que as vendas melhorem nos próximos dias

0
imagem ilustrativa

Por orientações religiosas, durante o período da Quaresma, muitos deixam de consumir carne vermelha durante alguns dias da semana. Essa mudança no hábito, acaba sendo favorável para os vendedores de peixe, que é o alimento que acaba substituindo a carne vermelha durante essa temporada.

A história por trás do consumo de peixe vem do início do Cristianismo, quando os cristãos faziam jejum da carne vermelha como forma de penitência, sendo uma forma de respeito ao sacrifício de Jesus Cristo.

“Por causa das tradições, aqui tem mais movimento nas quartas e sextas-feiras. Mas as vendas estão mais ou menos, parecido como foi no ano passado. O ‘boom’ de vendas é mesmo na Semana Caçadeira, que o pessoal consome mais peixe por conta da proximidade da Semana Santa. Mas mantemos as nossas vendas boas para restaurantes e outros mercados”, explica um vendedor.

O peixe mais procurado é a tilápia. O seu valor varia de banca para banca, mas fica entre R$ 12 e R$ 15, já o tambaqui pode ser encontrado por R$ 8 a R$ 10 e a pescada amarela está na média de R$ 30,00.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.