Projeto de lei não estimula corrupção, afirma deputado estadual

3

 

Ismar Marques
Ismar Marques

O deputado Ismar Marques (PSB) se manifestou hoje (16) em defesa de seu recente projeto de lei que prevê descontos de até 80% nas multas aplicadas a políticos pelo Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE). Segundo ele, o projeto não é um estímulo à corrupção.

 

Para o parlamentar, o projeto – apelidado nas redes sociais da internet de “bolsa corrupção” – visa apenas proteger os políticos de punições excessivamente rigorosas para infrações consideradas menos graves. “Quando se fala em ‘bolsa-corrupção’ parece até que somos a favor desta prática, mas isso não é verdade”, justificou Ismar Marques.

 

O projeto prevê que multas aplicadas pelo TCE/PI cujos fatos geradores tenham ocorrido 31 de dezembro de 2008, 2009, 2010 e 2011, tenham descontos de 80% (se pagas integralmente até 30 de setembro de 2012). O desconto de 70% (se quitadas até 31 de outubro de 2012), 60% (se recolhidas até 30 de novembro de 2012) e 50% (se pagas até 31 de dezembro de 2012).

 

A proposta virou alvo de mobilização do movimento “Força Tarefa Popular”, que tem convocado a sociedade a enviar emails para o parlamentar protestando contra a medida.

 

Fonte: CidadeVerde

3 Comentários
  1. Gustavo diz

    Agora para a corrupção tem que se dá desconto de até 80%. Um deputado desses e mesmo um brincalhão. Este deveria procurar atender as necessidades das quais a população precisa.

  2. Reginaldo Ramos diz

    Que palhaço! Esse é o tipo de gente que alguns piauiensse escolhem para nos representar. Esse projeto alem de insconstitucional, é verdadeiramente desrespeitoso para com a sociedade. Que vergonha de ser piauinsse!

  3. Diolindo Paiva diz

    parabens doutor pela iniciativa,e pró pobre tem bolça de que?essa é politicagem do brasil e não mi estranha mais nada.no brasil é cada um po si por que os politicos não tão nem ai.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.